O que podemos fazer no nosso cotidiano para ajudar os animais?

95.  O que podemos fazer no nosso cotidiano para ajudar os animais?

em dúvida, o primeiro item a observar nas nossas vidas é a eliminação ou redução dos atos que contribuem para o abuso e exploração dos animais. 

Provavelmente a coisa mais importante que podemos fazer para salvar animais, ajudar a ecologia do planeta, e até mesmo melhorar a nossa saúde, é NOS TORNARMOS VEGETARIANOS. Dizem que "somos o que comemos". Mais precisamente, "nos somos o que fazemos" e o que fazemos para nos alimentar tem uma profunda conseqüência na nossa definição de pessoa misericordiosa. 

Se comemos carne, nos compartilhamos a cumplicidade no morticínio de incontáveis animais e na destruição no ambiente para propósitos claramente banais. 

Por que banais? Nenhum ser humano jamais morreu por não ter satisfeito a vontade de ir no Mac Donald's, mas incontáveis vacas já morreram para satisfazer nosso paladar. 

Em um aspecto mais positivo, vegetarianos descrevem que seu paladar e satisfação com a comida são realmente melhorados com a eliminação de produtos animais. Na verdade, a dieta vegetariana não é uma dieta de privação; longe disso. Vegetarianos realmente comem uma maior variedade de alimentos do que os que comem carne. Talvez o segredo de culinária mais bem guardado é o de que a dieta "chata" na verdade  a dieta tradicional centralizada na carne. 

Próximo item, NÃO COMPRE PRODUTOS COMO PELES E COURO. Há bastante materiais sintéticos ou de origem vegetal que são perfeitos para tecidos e sapatos. De fato, todas as grandes marcas de tênis de corrida agora estão se voltando para o uso de materiais fabricados pelo homem. (Porquê? Porque esses materiais são mais leves que o couro e não deformam ou enrijecem depois de molhados). 

Há vários produtos animais menos óbvios que estão sendo usados em vários dos produtos de uso diário em nossos lares ou de uso pessoal. Depois de eliminar os produtos óbvios e mais visíveis como peles de couro, consideraríamos então o que podemos fazer para reduzir ou eliminar nossa dependência de produtos que possam conter ingredientes animais desnecessários ou que foram testados em animais. Dois guias de produtos muito bons são: 

    Shopping Guide for the Caring Consumer, PETA, 1994. 
    A Shopper's Guide to Cruelty-Free Products, Lori Cook, 1991. 

Outro item, LEIA E INFORME-SE TANTO QUANTO POSSÍVEL A RESPEITO DOS  DIREITOS DOS ANIMAIS. Além de ler os livros dos autores teóricos sobre direitos dos animais, é recomendável ler os guias práticos e periódicos. A questão 92 lista vários livros e revistas apropriadas. 

Finalmente, você pode também SE FILIAR A UMA ORGANIZAÇÃO LOCAL PARA O BEM-ESTAR E OS DIREITOS DOS ANIMAIS. Ou, alternativamente, se não tiver tempo, considere fazer doações para essas organizações cujo bom trabalho em favor dos animais seja algo que você aprecia e gostaria de contribuir materialmente. 
TA 

Veja também:  87, 92 – 93 

Please follow and like us: