Jorge Luiz

Oi Pessoal ! Sou novo aqui na lista, mas bem velho nessa estrada pois sou vegetariano desde os 15 – hoje tenho 34.

Até aqui, minha experiência -desvinculada de orientação filosófica/religiosa- me levou a aprender que:
a) Minha opção nutricional é algo Extremamente Pessoal e
b) Não me disponho a discutí-la com freqüencia.

Até mesmo aqui, nesta democrática lista, me surpreendi ao encontrar dois VegColegas se enfretando vorazmente como verdadeiras feras. Chega a ser hilário, mas esse tipo de desgaste é, na verdade, chato e inútil.

Tendo nascido em uma família de carnívoros ávidos e frequentado o curso de agronomia ( com obrigação de freqüentar aulas de bovino/avi/suinocultura etc), confesso que me fartei de ouvir os mais absurdos comentários e simplesmente não tenho mais saco.

Ora, se somos seres detentores de senso crítico, podemos:

a) Moldar nossos hábitos alimentares para melhor, encarando a Nutrição como 
um aprendizado.
b) Aceitar aquilo que nos foi imposto culturalmente, e encarar a Nutrição 
como algo arraigado, adquirido e 100% determinado.

A escolha foi clara e serena para mim. Mas os que optam por b) não optam, apenas aceitam e talvez por isso se sintam invariavelmente tão incomodados, como guardiões do status quo.

Ao escolher a) optei pelo aprendizado, e é basicamente por isso que me interessaria em trocar informações úteis com vocês.

Um Abraço a Todos

Jorge Luiz
Engº Agrº

Please follow and like us: