Ingestão de derivados do leite na infância ligada à maior ocorrência de câncer do cólon

O cólon representa a parte final do trato intestinal. O câncer de intestino grosso, também chamado câncer de cólon, atinge um enorme número de pessoas em todo o mundo, estando juntamente com os cânceres de pulmão e mama, entre os três cânceres mais freqüentes no mundo ocidental. Na maioria das vezes (90%) ele ocorre após os 50 anos, aumentando progressivamente sua incidência principalmente após os 60 anos e atingindo seu pico aos 75 anos de idade.

Têm-se descoberto alguns fatores responsáveis pelo seu aparecimento como dieta rica em gordura animal e pobre em frutas e vegetais. O restante dos casos (10%) está relacionado com doenças familiares hereditárias transmitidas geneticamente.

Um artigo recentemente publicado na revista American Journal of Clinical Nutrition analisou a influencia da ingestão de derivados do leite no surgimento tardio do câncer de cólon, e verificou que a ingestão diária excessiva de derivados lácteos na infância relacionou-se com aumento de 2,9 vezes no risco de aparecimento de tumor colônico durante a vida.

Please follow and like us: