Freegans e outros tipos

Talvez você já tenha ouvido falar nos "freegans" (grátisganos), que são veganos mas comem alimentos não veganos se forem de graça. Mas será que conhece esses outros tipos?

ANOMALY-GAN (ANOMALIGANO): Aquela pessoa que você encontra de repente e contradiz sua idéia do que é um vegano. Pode ser o colega de trabalho meio careta que esquenta a marmita de arroz integral com>brócolis no microondas do escritório [coisa comum nos EUA, viu, gentem?, esquentar marmita no escritório] ou a assustadora família religiosa fundamentalista que mora ali na esquina.

ANXIETY-GAN (ANGUSTIGANO): É vegano mas vive apavorado com nutrição e toma montes de suplementos desnecessários "só pra garantir". Obcecado pela combinação de cereais com feijões.

APOLOGY-GAN (DESCULPAGANO): Tem vergonha de ser vegano. Come alimentos não veganos para que não descubram o que é na verdade.

BAKERY-GAN (PÃODOCEGANO): É vegano, mas não pesquisa suficientemente bem os ingredientes das rosquinhas grátis (OBS: Nos EUA, muitas empresas oferecem gratuitamente aos funcionários um lanche composto de rosquinhas fritas e café.)

BEE-GAN (ABELHAGANO): É vegano, mas come mel, usa produtos com cera de abelha etc.

CANDY-GAN (DOCEGANO): É vegano mas não resiste aos doces e balas. Corre muito risco em festas como Halloween, Natal e Páscoa.

CONFORMITY-GAN (MARIAVAICOMASOUTRASGANO): É vegano porque os amigos também são. Costuma sofrer ataques rápidos de veganismo.

COULD BE-GAN (QUASEGANO):— D(["mb","
> facilmente seria vegano. Em geral, esta revelação é seguida por um
> juramento de fidelidade a algum alimento não vegano, como "Mas nunca
> conseguiria largar o sorvete!"
>
> DAIRY-GAN (LEITEGANO): É vegano, mas às vezes come laticínios
> escondidos entre os ingredientes.
>
> FAMILY-GAN (FAMILIGANO): É vegano, a não ser quando visita os pais.
>
> FLEA-GAN (PULGAGANO): É vegano mas mata pulgas, alegando legítima
> defesa. Também se aplica a vermes, mosquitos e quaisquer organismos
> que suguem o sangue ou parasitem o corpo humano.
>
> GEOGRAPHY-GAN (GEOGRAFIGANO): É vegan, exceto em alguns lugares
> específicos. Por exemplo, o viajante que come carne nas férias para
> evitar a dificuldade de encontrar comida vegana.
>
> HONEY-GAN (QUERIDAGANO): É vegano para impressionar a garota
> almejada.
>
> MY-COUNTRY-'TIS-OF-THEE-GAN (SALVEAPÁTRIAGANO): é vegano porque acha
> que isso salvará os Estados Unidos. Ver Kucinich, Dennis (senador
> americano democrata que quis concorrer à Presidência nestas últimas
> eleições, é vegano, defende o meio ambiente e tem uma "postura
> holística").
>
> PRE-GAN (PRÉ-GANO): É vegano exceto pelo couro, pela lã, pela seda e
> por outros produtos animais que já possuía antes de se tornar
> vegano.
>
> TECHNOLOGY-GAN (TECNOGANO): Virou vegano depois de ler sobre o
> assunto na Internet.
>
> TURKEY-GAN (PERUGANO): É vegano, a não ser no jantar do Dia de
> Graças (no caso brasileiro, na ceia de Natal, onde também há peru,
> ou pelo menos chester).
>
> USED TO BE-GAN (JÁFUIGANO): Era vegano e chateia todo mundo contando
> por que deixou de ser.
>
> VANITY-GAN (VAIDOSOGANO): É vegano, a não ser por aqueles "sapatos
> fantásticos".
>
> WANNA BE-GAN (QUEROSERGANO)",1] ); //–> É quem diz que quase não come carne e facilmente seria vegano. Em geral, esta revelação é seguida por um juramento de fidelidade a algum alimento não vegano, como "Mas nunca conseguiria largar o sorvete!"

DAIRY-GAN (LEITEGANO): É vegano, mas às vezes come laticínios escondidos entre os ingredientes.

FAMILY-GAN (FAMILIGANO): É vegano, a não ser quando visita os pais.

FLEA-GAN (PULGAGANO): É vegano mas mata pulgas, alegando legítima defesa. Também se aplica a vermes, mosquitos e quaisquer organismos que suguem o sangue ou parasitem o corpo humano.

GEOGRAPHY-GAN (GEOGRAFIGANO): É vegano, exceto em alguns lugares específicos. Por exemplo, o viajante que come carne nas férias para evitar a dificuldade de encontrar comida vegana.

HONEY-GAN (QUERIDAGANO): É vegano para impressionar a garota almejada.

MY-COUNTRY-'TIS-OF-THEE-GAN (SALVEAPÁTRIAGANO): é vegano porque acha que isso salvará os Estados Unidos. Ver Kucinich, Dennis (senador americano democrata que quis concorrer à Presidência nestas últimas eleições, é vegano, defende o meio ambiente e tem uma "postura holística").

PRE-GAN (PRÉ-GANO): É vegano exceto pelo couro, pela lã, pela seda e por outros produtos animais que já possuía antes de se tornar vegano.

TECHNOLOGY-GAN (TECNOGANO): Virou vegano depois de ler sobre o assunto na Internet.

TURKEY-GAN (PERUGANO): É vegano, a não ser no jantar do Dia de Graças (no caso brasileiro, na ceia de Natal, onde também há peru, ou pelo menos chester).

USED TO BE-GAN (JÁFUIGANO): Era vegano e chateia todo mundo contando por que deixou de ser.

VANITY-GAN (VAIDOSOGANO): É vegano, a não ser por aqueles "sapatos fantásticos".

WANNA BE-GAN (QUEROSERGANO): Sempre diz que quer ser vegano mas nunca chega lá.

TOM RACIOPPO

Tradução: Beatriz Medina

 

Please follow and like us: