Dieta vegetariana – qual o pepino?

Tom Sanders – Professor de Nutrição – King's College, Londres

Quinta-feira, 24 de fevereiro de 2005
The Guardian

A professora Lindsay Allen afirma, erradamente, que não é ético privar crianças de carne ("What's missing in this pile of food?", 22 de fevereiro). Esta afirmação ignora o grande número de pesquisas que demonstram que, nos EUA e na Europa, as crianças se desenvolvem de maneira bastante normal com uma dieta vegetariana. 

Minha própria pesquisa, que acompanhou crianças veganas desde o nascimento até o início da idade adulta, provou que podem ser criadas perfeitamente com uma dieta vegana. A pesquisa da Sra. Allen foi realizada com crianças de uma comunidade empobrecida, que consumiam uma dieta baseada em cereais, na qual é provável a deficiência de micronutrientes. Como a carne é uma fonte rica de micronutrientes, não foi inesperado o efeito de pequena quantidade de carne.

Sua afirmação categórica sobre a ética de alimentar crianças com dietas sem carne em países desenvolvidos vai além do que mostram os seus dados. Em países desenvolvidos, veganos e vegetarianos consomem dietas mais diversificadas, com probabilidade muito menor de serem deficientes. Mas os pais que criam os filhos com dieta vegana devem prestar atenção para que seus filhos recebam quantidade adequada de cálcio, vitamina B12 e vitamina D.

(Não sou vegano nem vegetariano.)

Tom Sanders – Professor de Nutrição – King's College, Londres

Tradução: Beatriz Medina

 

 

 

Please follow and like us: