Conexão argentina

Apontados como a provável sensação do TIM Festival, os argentinos (radicados em Paris) do Gotan Project estão provando que são tão sofisticados quanto a música que fazem: uma bela mistura de tango com dub (o lado instrumental do reggae), jazz e levadas eletrônicas. Na lista de pedidos que enviaram para a produção do evento, o grupo aposta no clima zen total para relaxar antes do show: quer muitas flores e velas aromáticas para decorar o camarim. Para beber, Phillipe Cohen Solal, Christoph Muller e Eduardo Makaroff , que tocam dia 31 no palco Lab do TIM, pediram vinho tinto, água Evian e chá inglês. E para comer, muitos queijos franceses e comida vegetariana.

Please follow and like us: