Chrissie Hynde protesta pelos direitos dos animais em Brasília

26/09/200315h11

Chrissie Hynde protesta pelos direitos dos animais em Brasília

Publicidade

GUILHERME GORGULHO
enviado especial a Brasília (DF)

Nem carreira, nem vida pessoal. A líder da banda britânica Pretenders, Chrissie Hynde, 52, se negou a tratar de quaisquer questões fora do âmbito do vegetarianismo e da defesa dos animais durante manifestação ocorrida nesta tarde em Brasília, onde seu grupo se apresenta hoje.

A cantora, que é membro do Peta (People for the Ethical Treatment of Animals) –grupo que defende os direitos dos animais–, reuniu-se com membros da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB), representantes do movimento Hare Krishna e simpatizantes da causa vegetariana em frente à Catedral de Brasília.

Cantando o hino Hare Krishna e mostrando faixas em favor do vegetarianismo, Chrissie protestou contra o sofrimento a que os animais são submetidos para servir ao consumo humano e lembrou as vantagens para a saúde que a opção de não comer carne lhe proporciona.

"A minha missão aqui é promover o vegetarianismo e salvar o mundo, a economia e a saúde", disse ela sobre seu envolvimento com o movimento.

"Minha única questão incondicional é não permitir o abuso de animais. Eu não acho que um animal deva ser usado para quaisquer fins", disse ela recuando de questões de jornalistas sobre a apresentação desta noite ou sobre a banda.

Quando questionada sobre o que está achando do Brasil, Chrissie Hynde disse que gosta muito do país e que está até mesmo procurando um apartamento para morar em São Paulo. "Até já encontrei um apartamento e estou pensando em morar aqui", declarou sem dar detalhes sobre o local exato.

Os Pretenders se apresentam hoje, às 23h15, no Brasília Music Festival, que acontece no Autódromo Internacional de Brasília.

O jornalista Guilherme Gorgulho viaja a convite da produção do Brasília Music Festival

Please follow and like us: