Biodiversidade

Na Rua Quinze, estão expostos painéis maravilhosos. Patrocinados por diversas instâncias governamentais (Governo Federal, Governo do Paraná, Prefeitura de Curitiba), eles informam sobre a ‘história do meio ambiente no Paraná’. Interessantes, elaborados de maneira didática, por ocasião do MOP-3 e COP-8 (1) que está ocorrendo no Expo Trade, em Pinhais. Vamos simplificar: ‘Uma exposição no âmbito da missa solene sobre biodiversidade’. Os painéis tratam de perda da diversidade – como, em 150 anos, a multiforme natureza do Paraná foi desperdiçada – e sobre as tentativas de salvar ou recuperar o que restou. A usina hidrelétrica de Itaipu é um belo exemplo disso: primeiro expulsou os guarani e os agricultores familiares. Inundou 1.350 km2 de terras e, em seguida, empenhou-se em louváveis atividades de recuperação: reflorestamento com espécies nativas, recuperar ou preservar a biodiversidade de fauna e flora, atividades de educação ambiental visando o uso racional da água, apoio financeiro a movimentos sociais no Paraná.

Itaipu também tem, portanto, seus painéis.

Please follow and like us: