Aida Franco de Lima – Cianorte – Paraná

Olá! 

Meu nome é Aida Franco de Lima, tenho 28 anos, sou jornalista, trabalho com Educação Ambiental, através de uma ONG e com um jornal o ANIMAL – Jornal de Educação Ambiental que edito junto com um engenheiro agrônomo, e moro no interior do Paraná. Cianorte, alguém já ouviu falar? Há dias venho "paquerando" a página Vegan e a Lista também, mas por falta de tempo e comodismo, só hoje estou dando as caras… risos… 

Parei de comer carne aos 10 anos mais ou menos… O motivo? Morei em Campinas por um ano e lá sofri muito com a poluição e tinha nojo de comer frango e carne congeladas… mesmo assim comia mortadela, que nem sonhava do que era feito. Voltamos para Cianorte, meus pais inventaram de criar uns frangos de granja… Eram uns 100 mais ou menos, que vinham comer na minha mão…. Um belo dia os frangos tiveram que ir para a "panela". Eu não suportava a idéia de comer aqueles animais que eu vi crescer… Tinha até aqueles mais espertos, um que eu havia curado a perna, quando quebrou… a perna ficou meio torta, ms tudo bem, ele andava e ganhou o nome de Pato… Quando era dia de matar os bichinhos eu tapava os ouvidos para não ouvir os gritos e não almoçava… Eu sempre amei bicho, de todas as espécies e ver os frangos serem mortos me partia o coração… Parei de comer carne de frango, peixe e pouco tempo depois parei com tudo… 

Em casa foi mais fácil de entenderem minha decisão, pois sempre fui metida a veterinária, trazendo os mais variados animais para casa, em busca de tratamento, ou um simples canto para dormir, ficando por lá até o destino os levarem… As pessoas de fora é quem não entendiam muito bem, pois há 18 anos atrás a "febre" da saúde não estava tão em alta como hoje, qdo muitos optam por não comer carne simplesmente por culto ao corpo… Há poucos dias descobri a questão do coalho, que aliás quero conhecer mais… e foi menos difícil do que eu imaginava resistir a um pão de queijo, macarronada, pizza… Bem, acho que é isso…  

Quero me informar mais a respeito desta filosofia de vida, até mesmo para ter mais argumentos naqueles momentos em que as pessoas simplesmente tiram sarro desta opção, ao invés de entender os motivos… Já fui mais "radical" e em uma época não usava nada de couro… Mas hoje ainda uso calçados e muitas coisas que ainda não tenho conhecimento da verdadeira origem… Quando vi esta Página e a Lista achei que seriam uma boa fonte para eu continuar ampliando meus conhecimentos… Tenho interesse em tudo que diz respeito a questão ambiental e social. A questão de animais de rua e de pessoas que ganham a vida com o lixo são dois pontos de especial interesse, que sonho um dia, fazer algo de significativo para contribuir de modo a reduzir a crueldade e o descaso a que estes dois grupos estão submetidos, com raras exceções… Espero não  ter exagerado e me coloco a disposição para trocar idéias sobre qualquer coisa!!! 

Beijos 
Abraços 

Aida Franco de Lima 

Please follow and like us: